sexta-feira, 25 de agosto de 2017

MP abre investigação para apurar falta de medicamentos no Hemope

Por TV Jornal
Reprodução/TV Jornal
O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) abriu uma investigação para apurar falta de medicamentos na Fundação de Hematologia e Hemoterapia de Pernambuco (Hemope). O inquérito, instaurado pela promotoria de saúde, teve início depois que o MPPE recebeu várias denúncias de usuários do Hemope.
Uma lista de medicamentos, incluindo antibióticos, analgésicos e fator estimulador de crescimento, estariam em falta. “O Hemope falou que estava passando por uma crise financeira e estava adotando medidas de gestão para minimizar os efeitos da crise”, comentou Ivana Botelho, promotora de justiça.
O Hemope tem até o dia 1º de setembro para informar ao MPPE a real situação de seu estoque de medicamentos. “Pode ser que esses medicamentos tenham tido o estoque regularizado, mas se não tiveram a gente vai ter que ver qual será a medida tomada pelo Estado”, complementou a promotora.
Em nota, o Hemope reconheceu as dificuldades, mas reforçou que vem trabalhando para manter os estoques de medicamentos da unidade regularizados. Ainda segundo a nota, 40% dos processos são devidos à descontinuidade na produção de medicamentos pelos laboratórios responsáveis.

PORTAL BOM JARDIM
PORTAL BOM JARDIM

Nenhum comentário:

Postar um comentário