sexta-feira, 11 de agosto de 2017

Exemplo: Aos 80 anos, idosa cuida de cadela que perdeu movimentos de patas no RS

Maurício Varallo

A cada três horas, Aurora para tudo que está fazendo para cuidar de cadelinha Rosa em Rio Grande (Foto: Reprodução/RBS TV)
Uma mulher de 80 anos dedica parte do dia para cuidar de uma cadela que perdeu os movimentos das patas traseiras no ano passado, em Rio Grande, no Sul do estado. A cadelinha, chamada de Rosa, foi adotada há três anos pela aposentada Aurora Moreira.
A cada três horas, a idosa para tudo que está fazendo para dar atenção à Rosa. Todos os dias, acorda cedo para trocar a fralda da cadelinha e usa até secador de cabelo para deixar o animal seco. Outro cuidado é costurar cada fralda a mão nas roupinhas de Rosa, para que não escorreguem no corpo da cadela.
Além disso, Aurora também faz uma espécie de fisioterapia no animal, prepara comida, arruma a cama, dá carinho e a coloca em uma cadeirinha para poder passear.
No ano passado, Rosa perdeu os movimentos patas de trás em um acidente em casa, depois que se assustou com o barulho de fogos de artifício. Mas o que parecia uma história triste, virou um exemplo de amor.
A dedicação da idosa à cadela acabou sendo gravada em vídeo por vizinhas, foi publicada nas redes sociais e virou um sucesso. A ideia é conseguir ajuda para a idosa continuar cuidando de Rosa.
“Eu preciso de fralda, roupinha para ela. Preciso de roupinha de lã, porque como ela não caminha, ela não se aquece. A Rosa é tudo na minha vida.”
Além de Rosa, a idosa também se preocupa em alimentar outros cãos que moram nas ruas próximas a sua casa.
PORTAL BOM JARDIM
PORTAL BOM JARDIM

Nenhum comentário:

Postar um comentário