domingo, 30 de julho de 2017

Padre que beijou coroinha confirma vídeo e afirma que foi 'ato de fraqueza'


O padre suspeito de ter abusado sexualmente de uma menina de 14 anos em Arceburgo (MG) prestou depoimento à Polícia Civil na tarde desta sexta-feira (28). Segundo a delegada que investiga o caso, Renata Mattoso Libório, o padre confirmou que o vídeo divulgado nas redes sociais é verdadeiro. O padre teria dito que esse foi um "ato de fraqueza" dele.
Ainda conforme a polícia, o padre disse que o fato ocorreu em março, quando a adolescente já tinha 14 anos. Ele contou que dava alguns presentes para a menina, assim como fazia com várias pessoas da comunidade.
Uma outra pessoa que teria sido abusada pelo padre há 8 anos, também prestou depoimento nesta sexta-feira na delegacia. Assim que soube do vídeo da adolescente, a mulher procurou a jovem e a incentivou a fazer a denúncia.
"Ele não é bobo, ele conhece você. A partir do momento em que ele te conhece, ele começa a saber que você é uma vítima fácil para ele. Mais uma vez ele fez outra vítima porque ela é uma vítima inocente, é uma família toda desestruturada, tá. Ele sabia perfeitamente toda a relação da família. Então ele usou disso, entendeu? Eu me revoltei de uma tal maneira que eu falei assim: Agora a justiça tem que ser feita", disse a mulher.

PE10
PORTAL BOM JARDIM
PORTAL BOM JARDIM

Nenhum comentário:

Postar um comentário