quinta-feira, 27 de julho de 2017

Ex-policiais civis e guia turístico são presos por concussão

O caso foi apresentado pela delegada Patrícia Domingos
O caso foi apresentado pela delegada Patrícia DomingosFoto: Mandy Oliver/Folha de Pernambuco
Três policiais civis e um guia turístico foram presos após cumprimento de mandado e conduzidos ao Centro de Observação Criminológica e Triagem Professor Everardo Luna (Cotel) pelos crimes de concussão e denunciação criminosa. Segundo a delegada Patrícia Domingos. da Delegacia de Polícia de Crimes contra a Administração e Serviços Públicos (Decasp), o caso aconteceu em 2005, quando os policiais e um guia turístico forjaram um flagrante contra um cidadão italiano.
“Eles teriam feito um flagrante por porte de armas e notas falsificados contra este cidadão, que negava”, explicou a delegada. Os acusados foram encontrados no Recife, em São Lourenço da Mata e Jaboatão dos Guararapes e não resistiram à prisão.
Os quatro mandados de prisão foram cumpridos contra o delegado de polícia Fernando Antônio Alves Moreira (que foi demitido, pegou oito anos de prisão) e contra os comissários Jonas Augusto Holanda Júnior e Wladimir Ribeiro de Albuquerque (demitido e aposentado, penas de oito e 12 anos de prisão, respectivamente), além do guia turístico Roberto Fernando da Silva Júnior (oito anos de prisão).

FOLHA PE
PORTAL BOM JARDIM
PORTAL BOM JARDIM

Nenhum comentário:

Postar um comentário