quarta-feira, 14 de junho de 2017

Queixas de agressão marcam shows de São João em Olinda

Por TV Jornal
Reprodução/TV Jornal
Tiveram início, nesta terça-feira (13), os depoimentos de testemunhas e vítimas de um caso de agressões ocorridas em uma festa de São João, em Olinda, no Grande Recife, nesse final de semana. Cerca de dez pessoas compareceram à Delegacia do Varadouro, para colaborar com a investigação.
Ainda com as marcas pelo corpo, um operador de telemarketing disse que foi confundido com um assaltante e agredido pelos seguranças. “Eles me agrediram, não me revistaram. Porque se eu estivesse roubado, cadê a prova?” comentou. Outro rapaz, que estava na área vip do evento, também foi vítima de agressão. Ele e o namorado foram retirados à força por dois seguranças, depois de entregarem garrafas de água para uma menina que estava em outro setor.
A delegada Lídia Barcy, responsável pela investigação, comentou que foram registrados furtos, roubos e muitas agressões. “A gente recebeu uma mãe aqui desesperada com o filho totalmente lesionado, com marcas de cassetete, uma coisa impressionante mesmo” contou. Câmeras de segurança do local e da Secretaria de Defesa Social (SDS) serão utilizadas para ajudar nas investigações.
Em nota, a direção da casa de shows afirmou que repudia qualquer tipo de violência. Disse, ainda, que investigará junto à empresa de segurança se realmente aconteceu o que as vítimas afirmaram, e tomará as devidas providências.

PORTAL BOM JARDIM
PORTAL BOM JARDIM

Nenhum comentário:

Postar um comentário