sexta-feira, 2 de junho de 2017

Intérprete de Chiquinha detona Dona Florinda e revela o que diria para o Chaves, caso estivesse vivo


Maria Antonieta de Las Naves, a Chiquinha, no Gugu (Foto Record)
Maria Antonieta de Las Naves foi a entrevistada especial do programa “Gugu” da noite desta última quarta-feira (31). Gugu foi até o México entrevistar a atriz que se consagrou interpretando a Chiquinha no seriado “Chaves”.

Maria Antonieta falou sobre várias curiosidades da série como, por exemplo, que a Bruxa do 71, interpretada por Angelines Fernandez, era a pessoa que mais gostava no elenco, principalmente porque ela era amiga de sua mãe. A atriz também revelou que o episódio de Acapulco foi o seu favorito.

Maria também contou que nunca entendeu o motivo pelo qual o seriado “Chaves” chegou ao fim. Ela afirmou que do dia para noite, Roberto Gómez Bolaños disse que não queria mais fazer o programa e justificou: “Porque eu tenho 64 anos e não sou mais jovem”. Neste momento, teria começado a briga entre Maria e Roberto pela personagem Chiquinha. Ele, em um primeiro momento, teria acordado que ela seguisse fazendo a Chiquinha, mas tudo não acabou tão bem como o esperado.

A atriz mexicana afirmou que ela foi a responsável por criar a personagem, já que toda caracterização e bordões da personagem Chiquinha haviam sido planejados e desenvolvidos por ela. Maria Antonieta revelou ter levado o projeto de um programa só da Chiquinha para a TV mexicana. Chespirito, como é conhecido Roberto Gómez Bolaños, teria dito que iria produzir a atração para ela. Esperando por 3 anos para estrear, a atriz descobriu que o projeto não entrava no ar por vontade de Roberto, que era contrário ao programa. Maria então tomou a decisão de registrar a personagem Chiquinha. A partir daí, uma longa batalha na justiça começava. Maria foi intimada e processada por Roberto Gómez Bolaños. Durante 12 anos, a estrela mexicana revelou que pagou o melhor advogado do México e acabou sofrendo um pré-infarto, além de gastar muito dinheiro.

Questionada por Gugu, o motivo de tantas coisas contra ela, a intérprete de Chiquinha respondeu de forma enigmática: “Eu acho que quando uma pessoa quer ser algo ou alguém e não pode ser da maneira correta, então ela tenta machucar a outra”.

Ainda sobre Chespirito, Chiquinha revelou que eles se encontraram uma vez e se abraçaram depois de todas as brigas. Os dois teriam dito que se amavam, e foi então que Maria Antonieta pediu o telefone dele, mas nunca foi atendida ao tentar se comunicar.

Chiquinha no Gugu (Foto Record)

A atriz revelou ainda para o apresentador o que falaria, caso Roberto estivesse vivo: “Você sabe que sempre te amei muito e que sempre vou te amar. E que todas as noites, rezo por você. Espero que agora sim tenha paz no céu com seus pais, com sua esposa Graciela e com os anjos. Além disso já estão aí o Professor Girafales, a Bruxa e todo os demais. E logo estarei aí, só não me apresse, porque não tenho pressa. Vou te abraçar, te beijar e sei que nunca mais abandonaremos essa amizade. Te amo”.

Sobre a inimizade com atriz Florinda Meza, a Dona Florinda, Maria afirmou que elas nunca foram amigas. A estrela mexicana contou que quando soube que Roberto e Florinda estavam se relacionando, perdeu toda a admiração por Chespirito. Sobre a afirmação de Florinda, que contou que Ramón tinha problemas com drogas e bebidas, ela aproveitou para detonar a ex-colega de elenco. Para quem não sabe, a declaração dada para o próprio Gugu no ano passado teve grande repercussão e na época Maria saiu em defesa do saudoso colega de trabalho. Agora, nesta entrevista para Gugu, Maria voltou a falar sobre o assunto:

“O que posso dizer é que não sei o que as pessoas chamam de drogas. Não sei se alguma vez ele fumou algum cigarro de maconha, mas sei que tem gente que bebe muito e isso não chamam de droga. Eu sei de algumas pessoas, mulheres, que beberam muito, caíram no restaurante e quebraram a cara. Eu nunca vi ele usando drogas, mas como ela mesma diz, então ela foi a alguma festa com Rámon e os dois se drogaram, ou não sei. Tem coisas que são muito particulares e não tem porquê divulgá-las. E sim, me enfureci muito quando soube”, finalizou a atriz.

 http://www.otvfoco.com.br/interprete-de-chiquinha-detona-dona-florinda-e-revela-o-que-diria-para-o-chaves-caso-estivesse-vivo/
PORTAL BOM JARDIM
PORTAL BOM JARDIM

Nenhum comentário:

Postar um comentário