sábado, 6 de maio de 2017

Sambista Almir Guineto morre no Rio de Janeiro

LeiaJá
Reprodução/Página oficial de Almir Guineto Artista é um dos fundadores do Fundo de Quintal Reprodução/Página oficial de Almir Guineto Um dos grandes representantes do samba de raiz, Almir Guineto faleceu na manhã desta sexta-feira (5), na cidade do Rio de Janeiro, aos 70 anos de idade. O artista foi vítima de problemas renais e diabetes. Em seu currículo artístico, guarda destaques, como ser um dos fundadores do grupo Fundo de Quintal.
De acordo com informações do site G1, o sambista estava em tratamento no Hospital Clementino Fraga Filho, da Universidade Federal do Rio de Janeiro, e nos últimos dias lutava contra complicações renais. Os familiares do artista agradeceram o carinho dos fãs e as orações em prol da melhora de Guineto.
Na página oficial de Almir, foi publicado o informe acerca do falecimento. “Comunicamos com pesar o falecimento do sambista Almir Guineto, na manhã desta sexta-feira (5), no Rio de Janeiro, em decorrência de complicações trazidas por problemas renais crônicos e diabetes. A família do cantor agradece pelas orações e o carinho de todos os fãs e admiradores”.
A mesma página também divulgou informações sobre o velório: “O corpo do cantor Almir Guineto será velado na quadra do Salgueiro, na Tijuca, no sábado dia 06 de maio, a partir das 15h até às 13h de domingo (7), quando irá para o cemitério de Inhaúma e lá será enterrado às 15h”. 
PORTAL BOM JARDIM
PORTAL BOM JARDIM

Nenhum comentário:

Postar um comentário