quarta-feira, 3 de maio de 2017

Mãe luta para conseguir leite especial para alimentar filho doente

Por TV Jornal

Reprodução/TV Jornal
Uma dona de casa moradora do bairro dos Torrões, na Zona Oeste do Recife, está desesperada para conseguir um leite especial para o filho que sofre de paralisia cerebral. A mulher afirma, que o alimento deixou de ser fornecido pela Prefeitura do Recife desde novembro de 2016.
 “Nossa renda é só um salário mínimo e estou tendo que me virar com doações de amigos e parentes. Quando dar, compro um leite mais barato, já para ele não ficar sem comer”, contou a mãe.
Segundo ela, cada unidade do produto custa R$ 55,00. A mãe do menino já esteve diversas vezes no Distrito Sanitário da Torre, na Zona Norte, mas ainda não conseguiu receber o leite. Por causa disso, o garoto está perdendo peso e ficando doente. Quem puder ajudar, pode ligar para o (81) 98355.7232 (falar com Jéssica). Confira no vídeo abaixo:
Por meio de nota, a Secretaria de Saúde do Recife informou que suplementos alimentares, como Fortini, não fazem parte da lista municipal da assistência farmacêutica. Por isso, é necessário que a aquisição seja analisada caso a caso, para a realização de uma compra especial. A necessidade do suplemento precisa ser sustentada por laudo médico. A secretaria disse ainda, que todas as solicitações encaminhadas estão sendo avaliadas para que o município possa definir o fornecimento do suplemento às famílias.
 
PORTAL BOM JARDIM
PORTAL BOM JARDIM

Nenhum comentário:

Postar um comentário