sábado, 6 de maio de 2017

Caixa Econômica Federal da Rua da Hora é assaltada

CEF da Rua da Hora
CEF da Rua da HoraFoto: Arthur de Souza/Folha de Pernambuco
Um assalto na Caixa Econômica Federal da Rua da Hora, no Espinheiro, Zona Norte do Recife, ocorreu no início na tarde desta sexta-feira (5). A investida, segundo o Sindicato dos Bancários de Pernambuco, foi praticada por volta das 13h40 por seis homens, um deles vestido com farda da empresa de segurança Prosegur.
O assalto foi o décimo ocorrido a banco este ano em Pernambuco e, nesse período no Estado, foi a 62ª investida criminosa contra agências bancárias - entre explosões a caixas eletrônicos, agências e carros-fortes, além de assaltos.
A ação começou quando o suspeito vestido com roupa da Prosegur e um comparsa passaram pela porta giratória. Um outro que fingia estar fazendo movimentação bancária num caixa eletrônico localizado na antessala se dirigiu ao compartimento de colocar os pertences e, através da vidraça que não é blindada, apontou uma arma para os vigilantes que se encontravam dentro da agência. A dupla que já estava dentro tirou as armas dos vigilantes e assaltou os caixas de atendimento. No momento, estavam operando três dos seis caixas.
Do lado de fora da agência, havia mais três bandidos dando cobertura ao assalto - um no estacionamento da agência e dois na calçada. Segundo a Polícia Federal, o bando fugiu de motos e a PF realiza ronda nas proximidades em busca dos suspeitos.
Durante o assalto, os bandidos obrigaram clientes e funcionários a ficar deitados no chão. A informação inicial de que teria havido refém foi negada. De acordo com a PF, o "modus operandi" do bando foi igual ao do assalto praticado no Santander localizado na Rua Professor Osias Ribeiro, em Boa Viagem, no mês passado.
Vidraça

Um dos diretores do Sindicato dos Bancários de Pernambuco, Wellington Trindade criticou a ausência de blindagem da vidraça. "Isso mostra a fragilidade que estamos denunciando há tempo", afirmou.Questionado sobre o assunto, o assessor de Comunicação da PF, Giovanni Santoro, negou a "fragilidade" da agência, que estaria operando de acordo com o plano de segurança da CEF, aprovado pela Polícia Federal. Esse plano, segundo Santoro, exige que as agências da Caixa tenham circuito interno de câmeras, seguranças com arma e detector de metal.
CEF da Rua da Hora
CEF da Rua da HoraFoto: Arthur de Souza/Folha de Pernambuco
CEF da Rua da Hora
CEF da Rua da HoraFoto: Arthur de Souza/Folha de Pernambuco
CEF da Rua da Hora
CEF da Rua da HoraFoto: Arthur de Souza/Folha de Pernambuco
Antessala com caixas eletrônica da CEF da Rua da Hora
Antessala com caixas eletrônica da CEF da Rua da HoraFoto: Arthur de Souza/Folha de Pernambuco
CEF da Rua da Hora
CEF da Rua da HoraFoto: Google Maps

 http://www.folhape.com.br/noticias/noticias/cotidiano/2017/05/05/NWS,26551,70,449,NOTICIAS,2190-CAIXA-ECONOMICA-FEDERAL-RUA-HORA-ASSALTADA.aspx
PORTAL BOM JARDIM
PORTAL BOM JARDIM

Nenhum comentário:

Postar um comentário