segunda-feira, 29 de maio de 2017

App dispõe de botão de pânico para mulheres em risco

LeiaJá
Reprodução Aplicativo ajuda mulheres em situação de risco Reprodução
Um serviço criado em João Pessoa (PB) tem como proposta auxiliar mulheres em situação de risco, disponibilizando um botão de pânico que, automaticamente, envia um alerta aos contatos de confiança da vítima. O aplicativo, chamado Elas, é gratuito e está disponível, neste primeiro momento, apenas para celulares com o sistema Android.
Para baixar a ferramenta é preciso ter internet ou dados móveis no celular e acessar a Play Store. Depois de instalado não é necessário usar conexão, pois o serviço funciona via SMS. Qualquer mulher que se encontre em situação de risco iminente de violência poderá acionar o botão de pânico, que envia um alerta de SMS para todos os contatos cadastrados na plataforma. O limite máximo do cadastro é de cinco pessoas.
Para enviar as mensagens, não é necessário estar conectada a uma rede Wi-Fi ou 3G/4G, mas é preciso que o celular de quem está enviando tenha créditos ou bônus de mensagens da operadora. As pessoas que recebem o alerta são informadas também da localização de quem enviou, facilitando o socorro da pessoa em risco.
De acordo com a secretária de políticas públicas para as mulheres da capital paraibana, Adriana Urquiza, a ferramenta vai auxiliar no enfrentamento à violência contra a mulher.
''É uma forma de mulheres que estejam em risco pedirem ajuda a parentes e amigos. O mais importante é que as pessoas que ela cadastrar na ferramenta sejam de confiança e tenham conhecimento da situação pela qual ela passa. Assim fica mais rápido prestar socorro e evitar que o pior ocorra'', afirmou, em comunicado.
Além do botão de socorro, o aplicativo também dispõe de um menu com diversos contatos úteis às mulheres em situação de violência doméstica e familiar. No item, é possível telefonar gratuitamente para os centros ou enviar um e-mail.
PORTAL BOM JARDIM
PORTAL BOM JARDIM

Nenhum comentário:

Postar um comentário