quinta-feira, 20 de abril de 2017

Polícia investiga primeira denúncia de Desafio da Baleia Azul em PE

Adolescente de Paulista teria aceitado Desafio da Baleia Azul
Adolescente de Paulista teria aceitado Desafio da Baleia AzulFoto: Reprodução/WhatsApp
A Polícia Civil investiga a primeira denúncia de Desafio da Baleia Azul em Pernambuco. Na manhã desta quarta-feira (19), uma mãe procurou a Gerência de Polícia da Criança e do Adolescente (GPCA) em Paulista, no Grande Recife, para denunciar que a filha, de 13 anos, havia cometido automutilação após aceitar participar do suposto jogo.
O desafio "Baleia Azul" começou na Rússia, em 2015. Três mortes que ocorreram no Brasil são investigadas;
A vítima de Pernambuco foi uma menina de 13 anos, levada pela mãe à gerência. A mulher tomou ciência da situação depois que sua outra filha viu a irmã se mutilando por não ter cumprido uma das provas.
De acordo com o delegado Jorge Ferreira, da GPCA, a menina teria entrado recentemente no grupo e não teria cumprido a segunda prova, que a obrigava a assistir vários filmes de terror. Como não fez, foi intimada a fazer treze cortes na mão (número definido de acordo com a idade dela). Na terça (18), a menina tentou sair do jogo.
"Ela tentou sair do grupo, mas começou a receber ameaças pelo WhatsApp. Eles disseram que a matariam e matariam também a família dela", explicou o delegado. Um inquérito foi instaurado nesta quarta (19).

Folha PE
PORTAL BOM JARDIM
PORTAL BOM JARDIM

Nenhum comentário:

Postar um comentário