sexta-feira, 3 de março de 2017

Horário de verão proporcionou economia de R$ 159,5 milhões ao Brasil

Estadão Conteúdo
O resultado superou a estimativa do governo, que esperava uma economia de R$ 147,5 milhões no período / Foto: Agência Brasil O resultado superou a estimativa do governo, que esperava uma economia de R$ 147,5 milhões no período Foto: Agência Brasil

O horário de verão proporcionou uma economia de R$ 159,5 milhões para o País, de acordo com o Ministério de Minas e Energia. Esse foi o valor que deixou de ser gasto com o acionamento de usinas termelétricas, que geram eletricidade mais cara que as hidrelétricas. O resultado superou a estimativa do governo, que esperava uma economia de R$ 147,5 milhões no período.

Na região Sul, segundo o MME, a demanda de energia no horário de pico noturno caiu 4,3% entre outubro e fevereiro, o equivalente ao dobro do consumo da cidade de Florianópolis (SC). No Sudeste e Centro-Oeste, a economia obtida nesse período foi equivalente à metade da carga do Rio.

Duração do horário de verão

O horário de verão durou 126 dias, entre 15 de outubro e 18 de fevereiro.
PORTAL BOM JARDIM
PORTAL BOM JARDIM

Nenhum comentário:

Postar um comentário